Menu
O que fazer

Oferta cultural Dom Pedro Lisboa: Alojamento e Exposição inédita de Ai Weiwei em Lisboa

Ai Weiwei está entre as figuras mais influentes e controversas do mundo da arte contemporânea. Ao longo do século XXI, ele criou um tesouro de obras de arte, trabalhando com diversas plataformas, incluindo escultura e cerâmica, instalações, documentários e cinema, arquitetura, fotografia e música. A maioria dessas criações contém poderosas mensagens políticas sobre direitos humanos e democracia, que lhe trouxeram admiração e críticas em medidas iguais.

O conteúdo socialmente crítico das suas obras fez com que estivesse preso durante 81 dias na China, sem acusação formal, apenas com alegações de crimes económicos, tendo o seu passporte sido apreendido até 2015, altura em que foi autorizado a sair do país.

Mas o seu passado político começa muito antes disso. Nascido em Pequim em 1957, Ai Weiwei desde sempre viveu rodeado pelo universo artístico. O seu pai, Ai Qing, também artista e poeta, já fazia sucesso na China e no mundo e despoletava nas suas criações polémica e controvérsia. 

Exposição "Rapture" de Ai Weiwei em Lisboa

Portugal vai ter finalmente a oportunidade de conhecer este artista contemporâneo e a sua obra. A Cordoaria Nacional, em Lisboa, vai acolher a exposição inédita de Ai Weiwei entre 4 de Junho e 28 de Novembro de 2021.

A mostra terá como título "Rapture” e através dela o artista chinês pretende partilhar dois universos que o habitam e capturam: a realidade e a fantasia. Segundo o curador da exposição, Marcello Dantas, o conceito por detrás de "Rapture” centra-se nas duas dimensões de Ai Weiwei: o "artista-político” e o "artista-espiritual”. A exposição será, por isso, apresentada em duas alas da Cordoaria Nacional, que pretendem espelhar exatamente cada uma dessas dimensões.

Weiwei traz, ainda, a Lisboa algumas das suas obras mais emblemáticas, como "Snake Ceiling” (2009), uma grande instalação em forma de serpente constituída por centenas de mochilas de crianças, em memória dos 5 mil estudantes mortos no terremoto de Sichuan, em 2008; e "Law of the Journey” (Prototype C) (2016), que consiste num barco insuflável de 16 metros de comprimento com mais de 300 figuras humanas sem rosto e faz alusão a um dos temas mais recorrentes na obra do artista: a crise global de refugiados.

Por outro lado, na ala que incide sobre a dimensão mística e espiritual, Ai Weiwei explora a sua veia de "arqueólogo de técnicas ancestrais”, nas palavras do curador e procura resgatar tradições e saberes locais, dando-lhes assim uma leitura mais contemporânea. Sendo este trabalho de arqueologia cultural outro dos pilares da obra do artista, a exposição vai contar também com criações originais inspiradas pelas tradicões e técnicas artesanais portuguesas. 

A viver em Portugal há já alguns meses, Ai Weiwei mostra-se fascinado com o artesanato português, sobretudo ao nível dos materiais e das técnicas usadas na cerâmica e nos azulejos portugueses, bem como as criações em cortiça e em madeira.

No decorrer da exposição, haverá também na Cordoaria Nacional um ciclo de documentários sobre a vida e a obra do artista.

Pacote Dom Pedro Lisboa hotel e exibição

A pensar no seu conforto e de forma a garantir uma boa oferta cultural aos nossos hóspedes, temos um pacote especial para a exposição "Rapture” de Ai Weiwei, que inclui entre outras coisas alojamento no hotel Dom Pedro Lisboa e o bilhete para a exposição do artista contemporâneo chinês. 

Dom Pedro Lisboa é um hotel 5 estrelas e está convenientemente localizado no centro de Lisboa, a poucos minutos de carro da Cordoaria Nacional e junto aos principais pontos turísticos de Lisboa. Reserve a sua estadia no hotel Dom Pedro Lisboa e desfrute do nosso pacote de alojamento, que inclui por exemplo, um delicioso pequeno almoço, bilhete para a exposição de Ai Weiwei, tratamento VIP à chegada, upgrate para o nosso quarto Tower, estacionamento gratuito e, ainda, late checkout. 

Reserve hoje e desfrute de uma estadia e de uma exposição inesquecíveis. Os bilhetes para a mostra serão fornecidos aquando do check in no hotel.

Ai Weiwei é um artista singular e com um tipo de visibilidade muito invulgar. Não só ele conseguiu transcender a sua obra de arte para se tornar uma figura de destaque no mundo inteiro, como também se tornou para muitos um símbolo da afirmação da liberdade de expressão. Fazendo uso da sua posição de destaque e do reconhecimento conquistado através da sua arte, Ai Weiwei aborda questões fraturantes que não poderiam ser levantadas publicamente na China.

Venha conhecer a obra magistral e acutilante de Ai Weiwei enquanto (re)descobre os encantos de Lisboa em total conforto e harmonia no hotel Dom Pedro Lisboa.

Também pode gostar

Últimos posts

ferias-algarve-roteiros-ar-livre
O que fazer

Férias no Algarve – roteiros ao ar livre

Fazer férias no Algarve não se resume a apenas a sol e mar. Além do clima mediterrânico e da linha de costa dominada por praias de areia dourada e fina, o Algarve oferece também um vasto leque de parques naturais, rios, sapais e áreas serranas.

Saiba mais